Voando com Lartigue

7 · 15 · 2011 jacqueshenrilartigue

Jacques Henri Lartigue era um cara de sorte, mas independentemente disso, porque afinal de contas ele viveu em tempo de guerra, ele escolheu a sorte, ou melhor, a alegria. Com certeza, alguns colegas seus diriam na época: “esse Jacques tem a cabeça nas nuvens, o mundo está desabando e ele só pensa em voar”. Ele era francês e rico, o

Leia mais...

Fragmentos do outro lado de Pequim: o infotografável

6 · 29 · 2011 IMG_2310

A China não é essa música, mas é essa a imagem que eu tinha da China. Aliás, a moça é de Taiwan, ou seja, nada a ver, mas a música é bonita. ************* Na verdade, não tem sentido falar da China. É como visitar São Paulo e falar do Brasil. Eu conheci Pequim e um pouco só de lá. Até

Leia mais...

As delícias chinesas

6 · 22 · 2011 Escorpiões, Wangfujing, Pequim

Comer na China pode ser uma grande aventura ou, pelo menos, algo estranho. Primeiro, a comida lá não tem nada a ver com a comida chinesa no Ocidente, e somos vários, de diferentes países, que concordamos com isso. Segundo, cachorro, gato, macaco e outras estranhezas não são tão comum assim por aqui. Uma chinesa me disse que no sul eles

Leia mais...

Flanando por Pequim

6 · 8 · 2011 Yonghe Gong ou Templo dos Lamas

Surpresas da vida! Vim parar em Pequim, convidada por uns clientes muito queridos, para uma conferência. Aproveitei e peguei uns dias a mais para dar um passeio pela cidade. É minha primeira vez na Ásia e estou alucinando. Para começar, eu pensei que haveria mais ocidentais por aqui, mas me enganei. No bairro onde estou, que é bem business, sim.

Leia mais...

Você mora em São Paulo? Ai, que chique!

5 · 25 · 2011 tarsila-do-amaral-operarios

O adjetivo que mais escuto sobre morar na Europa é “chique”, mesmo que eu more nos confins da Europa, na Espanha profunda, não importa: é chique. Bom, quando eu morava em Buenos Aires escutava a mesma coisa. Parece que qualquer lugar é chique fora do Brasil. Só que, vindo de São Paulo para Múrcia, com todo o contraste que isso

Leia mais...

Midnight in Paris

5 · 20 · 2011 Shakespeare and Company

Depois de anos vendo filmes bem chatinhos do Woody Allen, finalmente chegou um dos bons! Talvez porque ele volta a brincar com a imaginação, indo além daquelas histórias enroladas de casais, pessoas frustradas no trabalho, professores universitários esnobes, mulheres à la Bovary. Bem, esse novo filme tem tudo isso, mas mesmo assim é bom e surpreende. Paris facilita as coisas

Leia mais...

Dublin além dos pubs

5 · 19 · 2011 Trinity College

Nem só de pub vive a Irlanda, embora haja um em cada esquina. Porém, viajar a Dublin não precisa ser sinônimo de encher a barriga de Guinness nem de buscas literárias em caminhadas pela cidade. As atrações ali são variadas, para todos os gostos e quem lê este blog sabe quais são os meus: história, arte, literatura, gastronomia. Então, aqui

Leia mais...

Dublin literário

5 · 11 · 2011 Estátua de James Joyce em Dublin

    Os escritores se assemelham a arquitetos: alguns criam cidades, como Macondo, outros as recriam e lhe dão reconhecimento internacional. Drummond fez isso com Itabira e Bandeira com Passárgada, Paul Auster com Nova York, Balzac com París, De Maistre ao seu próprio quarto, Borges com Buenos Aires, Saer com “la zona”. Enfim, com seus olhares tão pessoais e tão

Leia mais...

Sean-nós: a música irlandesa tradicional*

5 · 3 · 2011 The traditional music shop, Doolin

Faz bastante tempo que gosto de música tradicional irlandesa, aquele violino, aquelas melodias tristes mesmo nas canções mais alegres. Eu já sabia que tudo que é pub oferece shows de música ao vivo: você está lá com a sua Guinness, conversando com algum irlandês ‘cunversadô’ e, de repente, escuta um violino, um banjo ou uma harpa. Tem até pubs com

Leia mais...

Uma semana em Dublin

5 · 2 · 2011 Prédio georgiano em Dublin

Dublin era há até pouco tempo para mim a cidade da literatura e da Guinness. Gosto das duas coisas (embora muito mais da primeira que da segunda), mas a escolhemos para a nossa viagem de Semana Santa por ser uma opção econômica e prática, esperando curtir sete dias em uma capital tranquila fora da alta temporada. Lógico que esperávamos coisas

Leia mais...
Page 2 of 15«12345»10...Last »

Assine e receba os posts por email

¡Traduzca este blog! Translate this blog!

    Translate from:

    Translate to:

Gostou do que leu? Comente!

Categorias